Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Flávia Delaroli admite doping e pede desculpas por erro

Nadadora, que já havia anunciado a aposentadoria depois de não conseguir índice para os Jogos Olímpicos, foi suspensa por três meses

iG São Paulo | - Atualizada às

Satiro Sodré/AGIF
Flávia Delaroli caiu no doping durante a Tentativa Olímpica para Londres

A nadadora Flávia Delaroli admitiu que usou uma substância restrita e pediu desculpas depois de ter sido flagrada no antidoping. Exames da atleta apontaram para tuaminoheptano, substância presente em um medicamento que ela faz uso contínuo para tratamento de rinite. Delaroli recebeu pena de três meses e suspensão e comentou o caso por meio de um comunicado oficial de seu clube, o Pinheiros. 

Leia mais: Nadador Glauber Silva leva suspensão de dois anos por doping

"Em respeito a minha família, ao Esporte Clube Pinheiros, as organizações de controle antidoping, as confederações e aos profissionais do esporte nacional, peço desculpas pelo meu equivoco. Apesar da constante preocupação em me certificar quanto à permissão do uso de qualquer medicação antes do inicio de um tratamento, cheguei, por vários motivos, a conclusão errada de que o medicamento seria sempre seguro", afirmou a nadadora. 

Leia também: Flávia Delaroli não vai para Londres e anuncia aposentadoria

Flávia Delaroli foi flagrada em um exame no dia 10 de maio de 2012, quando participava da Tentativa Olímpica para Londres 2012, no Rio de Janeiro. A nadadora não conseguiu índice para os Jogos e, pouco depois da competição, anunciou a aposentadoria

Blog do Rogério Romero: Casos de doping são uma triste notícia para a natação do Brasil

A atleta foi punida com apenas três meses de suspensão, a contar do dia do exame, porque entendeu-se que não houve intenção da nadadora de melhorar seus resultados, mas faltou cuidado. Flávia já usava o medicamento que continha tuaminoheptano sob prescrição médica há vários anos. 

"Aproveito a oportunidade para alertar aos atletas da importância de anualmente checar se continua valida a permissão do uso de todos os medicamentos que estejam sendo ingeridos, já que esta é a frequência com que a lista é atualizada", disse também a nadadora no comunicado oficial. 

Leia tudo sobre: NataçãoBrasilLondres 2012Flávia Delarolidoping

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG