Após escrever comentário racista, capitão da Suíça é expulso das Olimpíadas

Além do zagueiro Michel Morganella, a saltadora grega Paraskevi Papachristou também foi cortada dos Jogos de Londres pelo mesmo motivo

iG São Paulo | - Atualizada às

Reuters
Michel Morganella faz falta em jogador sul-coreano na partida disputada no último domingo

Mais um atleta deixou os Jogos de Londres por causa de comentários racistas. Após chamar os sul-coreanos de retardados, o zagueiro Michel Morganella, capitão da seleção masculina de futebol da Suíça, foi expulso das Olimpíadas.

“Ele discriminou, insultou e violou a dignidade do povo e da seleção de futebol sul-coreanos. Como consequência pelo seu comportamento, ele foi imediatamente excluído dos Jogos e está banido de qualquer participação em Olimpíadas no futuro ", disse Gian Gilli, chefe da delegação de futebol masculino da Suíça.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

No último domingo, revoltado com a derrota de 2 a 1 contra a Coreia do Sul, o zagueiro Morganella perdeu a linha e deixou a seguinte mensagem no Twitter. “Quero bater em todos os sul-coreanos. Todos eles são retardados”, escreveu.

Chateado com a repercussão do caso, o jogador pediu desculpas e disse aceitar a decisão. “Eu cometi um grande erro após um resultado decepcionante. Eu gostaria de me desculpar com o povo sul-coreano e com sua equipe, mas também com a delegação e equipe suíças. Eu obviamente aceito as consequências pelos meus atos”, comentou.

Leia mais:  Imprensa espanhola culpa arbitragem pela eliminação no futebol masculino

Além de Michel Morganella, a saltadora grega Voula Papachristou  também foi cortada dos Jogos de Londres pela delegação de seu país após postar um comentário racista no Twitter.

Leia tudo sobre: futebolsuíçalondres 2012Michel Morganella

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG