Basquete masculino tenta evitar polêmica, mas estranha postura da Espanha

Para o ala/armador Alex, marcação espanhola no final do último quarto foi 'estranha'. Já seus companheiros evitaram comentar uma possível marmelada espanhola

Marcelo Laguna - enviado iG a Londres |

Os jogadores da seleção brasileira masculina de basquete certamente prefeririam somente falar do desempoenho da equipe ao final da partida desta segunda-feira, quando a equipe encerrou com vitória sua participação na fase de grupos dos Jogos Olímpicos, ao bater a Espanha por 88 a 82, depois de perder o primeiro tempo por 44 a 38. Mas a pergunta recorrente que todos tiveram que responder era se a equipe espanhola, que havia vencido os três primeiros quartos, havia facilitado as coisas e permitido uima vitória brasileira.

AFP
Splitter marca dois pontos para o Brasil diante da Espanha

Veja também: Brasil vence Espanha e pode ter encontro prematuro com os Estados Unidos

Com a derrota, a Espanha acabou ficando em terceiro lugar de seu grupo e evitou cruzar com os Estados Unidos em uma possível semifinal, caso passe pela França. seu adversário nas quartas de final. Já o Brasil, segundo colocado no Grupo B, irá se defrontar com a Argentina, em um duelo que promete ser emocionante pelas quartas. Se passar, a equipe brasileira irá encarar justamente o time americano.

E você, acha que a Espanha entregou o jogo para o Brasil? Comente

"Não sei se eles entregaram ou não. Nós viemos para cá ganhar todos os jogos, isso é com eles", disse o pivô Marquinhos. "Estamos com a nossa consciência tranquila. Se eles fizeram isso, vamos ver o que irá acontecer mais para frente, né?" avisou o também pivô Tiago Splitter.

Leia também: Após três edições, basquete feminino não terá final entre EUA e Austrália

Mas ao menos um jogador brasileiro admitiu publicamente ter estranhado bastante a postura espanhola, especialmente no último quarto. "É meio esquisito, né? Um time que está perdendo por sete pontos, marcando por zona no último quarto...", curucou o ala/armador Alex Garcia. "Temos que pensar na nossa equipe. Se eles fizeram isso, problema deles", afirmou.

Acompanhe o blog de Fábio Sormani

"Não quero me envolver em polêmica, mas eu não acho legal este negócio de jogar para perder. Cada um sabe onde aperta o calo, mas isso é uma coisa que não me agrada. Se eles fizeram isos ou não, problema deles", reforçou o ala Guilherme Giovannoni.

Marcado por Serge Ibaka, Splitter tenta marcar os pontos. Foto: APSplitter marca dois pontos para o Brasil . Foto: AFPIrmãos Gasol tentam roubar a bola de Splitter. Foto: APTécnico Magnano de olho na partida. Foto: APLeandrinho arma a bandeja. Foto: APLeBron James observa a partida entre Brasil e Espanha. Foto: APPau Gasol tenta passar pela marcação de Varejão. Foto: AP

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG