Brasil sofre pane, perde para favorita Noruega e está fora das Olimpíadas

Seleção feminina de handebol faz um primeiro tempo praticamente perfeito, mas tem apagão na segunda parcial e dá adeus aos Jogos de Londres

Marcelo Laguna - enviado iG a Londres | - Atualizada às

O Brasil até que começou bem e fez um 1º tempo praticamente perfeito contra a favorita Noruega, atual campeã mundial e olímpica de handebol, porém sofreu uma verdadeira pane na etapa final, perdeu por 21 a 19 e foi eliminado nas quartas de final das Olimpíadas nesta terça-feira, em jogo realizado no ginásio Copper Box, em Londres.

O que você achou da campanha do handebol feminino em Londres? Opine!

Duda Amorim arremessa mesmo agarrada por norueguesas. Foto: AFPAs brasileiras foram derrotadas pelas norueguesas e estão fora dos Jogos. Foto: ReproduçãoChana chora após o revés brasileiro. Foto: Getty ImagesChana fez belas defesas e quase evitou a derrota brasileira. Foto: AFPNoruega comemora. Foto: AFPDani Piedade faz arremesso no primeiro tempo. Foto: AFPA ponta brasileira Alê marcou quatro gols na primeira etapa. Foto: AFP


As norueguesas enfrentam agora as vencedoras do duelo entre Rússia, algoz do Brasil na primeira fase, e Coreia do Sul, que jogam ainda nesta terça-feira em Londres.

Acompanhe tudo o que rola nas Olimpíadas no Ao Vivo do iG

Em busca de uma inédita vaga para as semifinais, as brasileiras não se intimidaram com as adversárias campeãs olímpicas e fizeram jogo equilibrado desde o início.

A defesa do Brasil conseguiu se impor e parava o ataque norueguês. Além disso, aproveitou os contra-ataques, principalmente com Alê, e chegou a abrir uma vantagem de cinco gols no fim do primeiro tempo. Chana Masson ainda pegou um tiro de sete metros para fechar a parcial praticamente perfeita do Brasil, em 13 a 9.

Siga o quadro de medalhas dos Jogos de Londres

A Noruega reagiu no início do segundo tempo, se aproveitou de uma verdadeira pane brasileira, e virou o placar em 19 a 18 na metade da segunda parcial. Chana Masson evitou uma vantagem ainda maior para as norueguesas, fazendo belas defesas. 

Leia o blog Espírito Olímpico

Enquanto isso, o Brasil estava desorganizado no ataque - ficou dez minutos sem marcar nenhum gol - e cedia contra-ataques para as europeias, que não desperdiçavam as chances. Assim, a Noruega, atual campeã mundial e olímpica de handebol, não perdoou e venceu o jogo por 21 a 19.

A equipe comandada pelo dinamarquês Morten Soubak finaliza sua campanha nos Jogos de Londres com quatro vitórias e duas derrotas. Apesar de se classificar na ponta do Grupo A, as brasileiras pegaram a forte Noruega nas quartas e não se deram bem.

Leia tudo sobre: handebolbrasilnoruegalondres 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG