Brasileira passa mal, desmaia e abandona prova da maratona aquática

Poliana Okimoto foi retirada da água pela organização do evento ainda durante a prova e deu adeus à chance de medalha nos Jogos de Londres

Marcelo Laguna - enviado iG a Londres * | - Atualizada às

EFE
Poliana Okimoto passou mal e abandonou a maratona aquática nesta quinta

A brasileira Poliana Okimoto abandonou a maratona aquática dos Jogos Olímpicos de Londres nesta quinta-feira. A nadadora passou mal durante a prova e pediu para ser retirada da disputa pelo barco de apoio, quando ocupava a 20ª colocação. Tão logo saiu da água, desmaiou. Após deixar a água, a brasileira foi carregada por uma cadeira de rodas até o centro médico usado para atender os atletas.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Assim que ela deixou a água, sofreu uma queda de presão e desmaiou. Mas o atendimento aqui foi perfeito, ela foi logo levada para o ambulatório e acompanbhada pelos médicos da organizção de do COB", afirmou Igor de Souza, chefe da delegação da maratona aquática do Brasil nos Jogos de Londres.

A hipotermina nada mais é do que a queda da temperatura corporal. O problema acontece em virtude das baixas temperaturas da água do Hyde Park, local onde foi disputada a prova da maratona aquática em Londres. No caso da prova desta quinta-feira, a água estava a 19 graus, segundo Souza.

Veja também: Lochte diz a revista que pode enfrentar Phelps na ‘dança dos famosos’

A brasileira deixou a competição na quarta volta das seis voltas da disputa. Poliana não figurou no pelotão de frente em nenhum momento da prova e deixou a maratona quando ocupava apenas a 20ª colocação. 

"Conversei com ela rapidamente. Ela já tinha recobrado a consciência e estava se sentindo melhor. Mas chorou bastante, pois se sentia muito bem preparada e achava que poderia brigar poor uma medalha", disse Souza, assegurando ainda que Poliana estava preparada para nadar em águara com temperatuda mais baixas.

Largada dos competidores na maratona aquática. Foto: APAtletas competem na maratona aquática. Foto: APBrasileira Poliana Okimoto passou mal e abandonou a prova. Foto: APJaponesa Yumi Kida em ação durante a maratona aquática. Foto: APBritânica Keri-Anne Payne se hidrata durante a competição. Foto: APCanadense Zsofia Balazs também se hidrata durante a prova. Foto: APEva Ristov comemora vitória na maratona aquática. Foto: APNorte-americana Haley Anderson chegou em segundo lugar. Foto: APMartina Grimaldi brinca com o público após conquistar o bronze. Foto: APEva Ristov, da Hungria, e Martina Grimaldi, da Itália, se cumprimentam após a prova. Foto: AP

Leia também: De olho nos Jogos de 2016, Zanetti começa preparação na próxima segunda

"Ela treinoiu no Brasil com 18 graus, já chegou a ganhar provas em Portugal e Itália com esta tempoeratura também. Ela também treinou a semana inteira aqui e não sentiu nada. Mas cada prova é uma prova, não dá para prever como o corpo irá reagir", afirmou.

Leia mais sobre esportes aquáticos no blog de Rogério Romero

A medalha de ouro na prova ficou para a húngara Eva Risztov. Martina Grimaldi, da Itália, ficou com a prata e Haley Anderson, dos Estados Unidos, terminou com o bronze. A britânica Kerri-Anne Payne, considerada a favorita ao ouro ficou apenas an quarta posição.

* Com iG São Paulo

Leia tudo sobre: Poliana OkimotoBrasilLondres 2012Maratona aquática

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG